Estudantes da UFF criam site para mapear crimes em Niterói

Ideia dos alunos é repassar os dados para a polícia

iG Rio de Janeiro |

Reprodução do site
Alunos da UFF dizem que são constantemente assaltados em Niterói
Um grupo de estudantes da UFF (Universidade Federal Fluminense), em Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro, criou um site (http://crimes.emniteroi.com.br) para mapear os crimes ocorridos na cidade em que os próprios alunos foram vítimas ou, então, presenciaram algum delito. A ideia é repassar os dados para a polícia.

Sobre o mapa da cidade, estão marcados pontos onde ocorrem os crimes. Clicando em cima deles, há o relato de uma ocorrência.

"Vários alunos da UFF estão sendo constantemente assaltados em Niterói. Precisamos da sua ajuda para mapearmos estas áreas de risco. Conte um evento violento que você presenciou ou foi vítima, vamos mostrar para as autoridades como está a nossa cidade", diz a mensagem principal da página.

Os autores pedem sempre para os estudantes que entrarem no site informarem a data, a hora e o ponto exato da ocorrências. "São dados fundamentais para a polícia", diz a mensagem

No centro, por exemplo, um estudante relatou que, ao passar próximo à Faculdade de Enfermagem da UFF na rua Marquês de Olinda, dois homens lhe abordaram e levaram o seu telefone celular.

O aluno afirmou ainda que, na mesma região, já presenciei outros assaltos, inclusive a um carro de passeio, quando cerca de cinco homens armados expulsaram o motorista parado em um sinal de trânsito.

Em um outro fato relatado no mapa, um aluno disse ter sido abordado por um suspeito na rua Visconde de Morais, no Ingá. Ele contou que o ladrão disse estar armado e lhe mandou passar a mochila. O estudante, no entanto, afirmou ter fugido mas que o criminoso tentou lhe atingir com um chute.

Apoio da direção

Em seu site, a universidade disse apoiar a iniciativa dos alunos.

"Essa iniciativa vem ao encontro das várias ações da administração central da universidade quanto a esse assunto. O reitor da UFF tem constantemente , desde 2007, encaminhando ofícios às autoridades solicitando providências para diminuir o índice de criminalidade no entorno da universidade e nas ruas de acesso às unidades de ensino que se localizam fora dos campi", diz a nota.

.

    Leia tudo sobre: mapa do crimeNiterói

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG