Chuva deixa regiões do Rio em estado de alerta

Na Região Serrana, duas barreiras caíram na Estrada Teresópolis-Fribugo

AE |

selo

Os cariocas sofreram com pancadas de chuva no fim de semana. A Defesa Civil do município recebeu 27 chamados em 24 horas por conta das chuvas e registrou 22 ocorrências entre 17h30 desta sábado e 18h deste domingo. O temporal de sábado à tarde causou pontos de alagamento na zona sul do Rio, principalmente nos bairros de Copacabana e Leblon, e provocou engarrafamentos, devido à bolsões de água e queda de árvores. 

Morador de Copacabana há dois anos, o enfermeiro Jorge Leandro do Souto Monteiro, de 39 anos, demorou duas horas para sair do Flamengo até seu bairro, devido ao temporal - um percurso que pode ser feito em 15 minutos. "Quando chove, a minha rua, Nossa Senhora de Copacabana, fica completamente parada. Ainda mais agora, com as mudanças de faixas seletivas para ônibus" disse. "Eu não ficava tanto tempo preso no trânsito assim, em Copacabana. Minha impressão é que está piorando", afirmou. 

Também na zona sul, o teto da quadra poliesportiva do Jockey Club, na Gávea, chegou a desabar neste sábado, sem deixar feridos. A Defesa Civil interditou o ginásio do Jockey. Parte do térreo do shopping Leblon, no bairro de mesmo nome, ficou alagado. 

Na Região Serrana, duas barreiras caíram na Estrada Teresópolis-Fribugo neste sábado, na altura do bairro Campo do Coelho. No bairro Córrego D'Antas, em Friburgo, as ruas ficaram completamente alagadas. 

Hoje, o tempo permaneceu nublado, com chuva fraca durante o dia. Para as próximas 24 horas, o Centro de Operações do Rio chamou atenção para a permanência da Zona de Convergência do Atlântico Sul, que provoca pancadas de chuva, e mantém o clima instável.

Na Região Serrana, a Defesa Civil entrou em estado de alerta na tarde deste domingo, após a chuva que atinge toda a região desde sábado.

    Leia tudo sobre: NACIONALGERAL

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG