É grave o estado de saúde de crianças queimadas no Rio

Uma das vítimas, de oito anos, teve 90% do corpo ferido

iG Rio de Janeiro |

É grave o estado de saúde das quatro crianças que ficaram com queimaduras pelo corpo na noite de quinta-feira (26) no município de São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Uma das vítimas, Jonathan Batista Pinto, de oito anos, teve 90% do corpo ferido e está internado no Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro do Rio.

A ocorrência envolvendo as crianças ainda está sendo investigada por policiais civis da 54ª DP (Belford Roxo). De acordo com a Polícia Militar, as vítimas de cinco, seis, oito e dez anos, estavam em casa com o padrasto quando sofreram as queimaduras.

A mãe das crianças disse aos PMs que, enquanto os filhos dormiam, ela foi à casa da cunhada, localizada a poucos metros de sua casa. No retorno, a mulher se deparou com vizinhos socorrendo as quatro crianças.

As vítimas foram encaminhadas para uma Unidade de Pronto Atendimento de Duque de Caxias, também na Baixada Fluminense. De lá, elas foram transferidas para outros hospitais.

Késia Cristina Batista Pinto, de cinco anos, sofreu queimaduras em 70% do corpo e segue internada em estado grave no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes. Seu irmão, Jonathan Gabriel Batista Pinto está na mesma unidade com 60% do corpo queimado.

Mateus Roberto do Nascimento Batista teve cerca 50% do corpo queimado e segue internado em estado grave, porém estável, no Hospital Estadual Albert Schweitzer. A mãe e o padrasto das vítimas prestam depoimento nesta sexta-feira à polícia.

    Leia tudo sobre: criançasqueimaduras

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG