Cúpula da PF do Rio é denunciada pelo Ministério Público Federal

Delegados são acusados de constranger delegado que noticiou irregularidades ao MPF

iG Rio de Janeiro |

A 8ª Vara Federal Criminal recebeu denúncia do Ministério Público Federal no Rio de Janeiro (MPF/RJ) contra três delegados da cúpula da Polícia Federal no Rio de Janeiro: o superintendente, Ângelo Fernandes Gióia, o corregedor, Luiz Sérgio de Souza Góes e o chefe do núcleo de Disciplina da Corregedoria, Robson Papini Mota.

Os réus são acusados de abrir duas apurações para intimidar um delegado que prestou declarações ao MPF noticiando supostas irregularidades da PF no Aeroporto Internacional Tom Jobim. Investigados pelo Grupo de Controle Externo da Atividade Policial do MPF/RJ, os réus responderão por denunciação caluniosa, coação no curso do processo e abuso de autoridade.

Na denúncia, os procuradores da República Fábio Seghese e Marcelo Freire acusam a utilização da Corregedoria da PF para retaliar e constranger o delegado a mudar as declarações prestadas ao MPF, mediante a abertura de dois processos disciplinares viciados passíveis de demissão.

O MPF também pediu o afastamento dos delegados de suas funções.

    Leia tudo sobre: POLICIA FEDRALMPFINVESTIGAÇÃO

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG