Amiga que reconheceu cadáver viu namorado da vítima carregando ontem a mesma bolsa onde estava mulher

O corpo da vendedora Eires Bezerra de Freitas, 21 anos, foi encontrado na manhã deste sábado, dentro de uma bolsa, no canal da Rua Visconde de Albuquerque, no Leblon (zona sul do Rio). O cadáver tinha um corte em um dos braços.

O canal fica em uma área nobre do Rio, em um local que liga o Leblon à Gávea, Lagoa, Jardim Botânico, e à Barra da Tijuca.
Eires morava na Rocinha e trabalhava em uma loja em Ipanema.

O corpo da vendedora, descoberto por um funcionário da Rio Águas (órgão da Prefeitura do Rio), foi levado para o Instituto Médico Legal e identificado por uma amiga. Essa amiga afirmou à Polícia Civil ter visto o namorado de Eires carregando ontem a bolsa em que o cadáver estava, na Rocinha.

Por esse motivo, a principal linha de investigação da Delegacia de Homicídios, responsável pela investigação do caso, é a de crime passional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.