Conflito em favela deixa seis mortos no Rio de Janeiro

Durante a operação foram apreendidos um fuzil, três pistolas, uma granada e dois mil papelotes de cocaína

AE |

selo

Seis pessoas morreram e três ficaram feridas depois de uma tentativa de invasão de traficantes rivais à favela Para Pedro, no bairro Colégio, zona norte do Rio de Janeiro. A comunidade, segundo a polícia, é dominada pela facção criminosa Amigos dos Amigos (ADA). Os traficantes que tentaram a invasão seriam das comunidades de Quitando e Pedreiro, também na zona norte, dominadas pelo Terceiro Comando Puro (TCP).

De acordo com o comandante do 41º Batalhão de Polícia Militar (Irajá), tenente-coronel Rogério Martins, os militares chegaram à comunidade por volta de 5h. "Como ainda não tinha amanhecido, fizemos o cerco à favela e decidimos não subir, para não incomodar os moradores que ainda dormiam".

Segundo o comandante, foram encontrados dois corpos que seriam de traficantes da comunidade mortos pelos rivais na tentativa de invasão. Outras três pessoas foram encontradas com ferimentos e encaminhadas ao Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, também na zona norte. De acordo com o PM, eles não correm risco de morrer.

Durante patrulhamento na Para Pedro, os militares encontraram quatro, dos 11 invasores. Eles teriam começado atirar contra os policiais. Todos morreram. Os outros cinco invasores conseguiram fugir. Em uma casa, militares encontraram um fuzil, uma pistola .40 e duas 9mm, além de uma granada e mil papelotes de cocaína. Cinco suspeitos que estavam na residência foram presos. O caso foi encaminhado à 27ª DP (Vicente de Carvalho).

    Leia tudo sobre: tráficopara pedroconfrontosfavela

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG