Carro de deputado estadual é atingido por tiros no Rio

Geraldo Moreira estava em carro oficial da Alerj; Parlamentar responde por homicídio

iG Rio de Janeiro |

O carro do deputado estadual Geraldo Moreira (PTN) foi atingido por três tiros no final da noite desta segunda-feira (28) na rodovia Washington Luiz (BR-040), em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Duas linhas de investigação estão em curso: a possibilidade de atentado ou tentativa de assalto.

No momento do ataque - ocorrido na pista lateral da rodovia, sentido Rio, na altura do hospital Municipal Moacyr Rodrigues do Carmo - o deputado estava em um veículo oficial da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio), modelo Volkswagen Bora. Em depoimento à polícia,  Moreira contou que estava sozinho e que voltava de um compromisso político em Santa Cruz da Serra, bairro de Caxias.

Leia também: Um terço dos deputados eleitos da Alerj responde a processo

Segundo a polícia, o ataque aconteceu por volta das 23h, quando o carro do deputado foi cercado por outro veículo. Moreira teria tentado fugir e os criminosos atiraram.

Atualmente, o deputado cumpre seu quarto mandato na Alerj e já passou três vezes pela Câmara dos Vereadores de Duque de Caxias.

Deputado responde por homicídio

Geraldo Moreira responde na Justiça pela morte do médico Carlos Alberto Peres Miranda, em 2008. Na ocasião, dois suspeitos foram presos em flagrante por atirar no médico. A dupla teria sido sido contratada por dois policiais militares, a mando do deputado, segundo o Ministério Público. Os quatro envolvidos estão presos, já Moreira responde em liberdade. A motivação do crime seria passional, já que o médico era namorado da ex-mulher do deputado.

O iG tentou contactar o deputado, mas ainda não obteve retorno.

    Leia tudo sobre: geraldo moreiratentativa de assaltoalerj

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG