Camelódromo destruído por incêndio será demolido

Medida tem como objetivo garantir segurança, informa governo

iG Rio de Janeiro |

O camelódromo localizado próximo à estação Central do Brasil que ontem foi atingido por um incêndio será demolido na tarde desta terça-feira. De acordo com a Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro (Emop), o objetivo da ação é garantir a segurança dos comerciantes e das 300 mil pessoas que utilizam diariamente o Terminal Rodoviário Américo Fontenelle, que fica ao lado do camelódromo. Além disso, a demolição também busca impedir o surgimento de novos focos de incêndio.

© AP
Incêndio destruiu comércio popular no centro do Rio

Segundo a Emop, o pedido de limpeza da área foi feito pelo governador Sérgio Cabral. O incêndio desta segunda-feira consumiu 18 mil metros quadrados de uma área total de 36 mil metros quadrados. A previsão é de que o trabalho de demolição dure aproximadamente uma semana. Um hotel existente ao lado do camelódromo foi atingido pelas chamas e está com a estrutura comprometida. O imóvel está sendo vistoriado pela Defesa Civil e também poderá ser demolido.

A área do camelódromo da Central do Brasil pertence ao Governo do Estado do Rio de Janeiro. De acordo com as autoridades estaduais, após a limpeza do terreno, uma solução será estudada para a revitalização da área atingida.

© AP
Fumaça de incêndio pôde ser vista de longe
Incêndio

O incêndio no camelódromo teve início por volta das 16h15 desta segunda-feira. De acordo com testemunhas, o fogo começou a partir da explosão de um botijão de gás em uma padaria do local. As chamas se alastraram rapidamente e houve pânico entre vendedores e clientes. Os camelôs chegaram a tentar conter o fogo com água, mas não tiveram sucesso. Houve correria e algumas bancas foram saqueadas.

Segundo bombeiros do quartel Central, ninguém ficou ferido no incêndio. Duas mulheres, no entanto, passaram mal e chegaram a desmaiar. Elas foram socorridas por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Bombeiros informaram que o incêndio só foi totalmente controlado por volta das 4h30 desta terça-feira. Uma perícia irá determinar as causas do acidente.

Interdições

Por causa do incêndio no camelódromo, algumas ruas no entorno ainda estão interditadas. Guardas municipais estão na região orientando os motoristas. Confira os pontos com bloqueios:

- Praça da República esquina com a Avenida Presidente Vargas, sentido Túnel João Ricardo;

- Avenida Marechal Floriano esquina com a Rua Visconde da Gávea, no sentido Central;

- Rua Senador Pompeu e a entrada da Praça Cristiano Otoni, além das vias que dão acesso ao Túnel João Ricardo;

- Rua Barão de São Félix esquina com a Rua Bento Ribeiro;

- Rua da América até o restaurante popular;

- Acesso à Rua Bento Ribeiro pela Praça da República.

Os motoristas que precisam rumo à Avenida Brasil devem pegar a Avenida Presidente Vargas, no sentido Praça XV. Em seguida, eles devem contornar a Candelária no sentido Praça da Bandeira ou no acesso à Praça Mauá. Esse procedimento também deve ser adotado para os motoristas que seguem pela Rua Vinte de Abril.

    Leia tudo sobre: incêndio; camelódromo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG