Cabral inaugura 14ª UPP do Rio

Pacificação do São João também vai atender às comunidades do Quieto e Matriz

iG Rio de Janeiro |

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, inaugurou na manhã desta segunda-feira (31) a Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro São João, no Engenho Novo, zona norte da capital fluminense. A 14ª do Estado também irá atender às comunidades do Quieto e Matriz.

Durante a cerimônia de inauguração, Cabral afirmou que com a pacificação dessas comunidades os bairros do entorno – Lins, Méier e Engenho de Dentro – terão sua segurança reforçada.

Carlos Magno
Sérgio Cabral na inauguração da UPP do Morro São João, na zona norte do Rio
“Toda a zona norte ganha com essa UPP”, disse. “Vamos continuar com a política de ocupação. Teremos novas UPPs. Nos próximos dias, estaremos atuando em novas frentes para que outras comunidades possam usufruir dos benefícios da paz”, completou o governador.

A unidade do Morro São João contará com um efetivo de 200 policiais militares, sendo 35 mulheres, para atender cerca de seis mil pessoas.

O comando da UPP vai ficar a cargo do capitão Bruno Xavier, de 31 anos, há 11 anos na PM. O oficial já foi subcomandante do Grupamento de Policiamento em Estádios (GEPE) e atuou nos Batalhões da Tijuca (6º BPM) e de Rocha Miranda (9º BPM).

O capitão disse que entre as prioridades está a redução nos altos índices de delitos praticados no entorno da comunidade, principalmente roubo de carros e assalto a transeuntes. Ele também comentou o fato desta UPP ter muitas mulheres em seu efetivo, um quantitativo acima da média das outras unidades.

“O trabalho seria feito da mesma forma, por homens ou por mulheres. Mas elas têm um jeito mais sensível de abordar as pessoas, o que é um diferencial”, avaliou.

A sede da UPP ficará provisoriamente instalada na rua Conselheiro Jobim, na Praça da Associação, no Morro São João. Segundo informou o comandante-geral das UPPs, coronel Robson Rodrigues, a sede definitiva será na Rua Visconde de Santa Cruz.

    Leia tudo sobre: UPPfavelaspacificação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG