Cabral anuncia presídio exclusivo para PMs condenados em Bangu

Atual unidade que abriga os policiais, Batalhão Especial Prisional (BEP), vai virar prisão para mulheres

iG Rio de Janeiro |

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, anunciou nesta terça-feira (4) a construção de uma unidade prisional exclusiva para PMs condenados pela Justiça no complexo penitenciário de Bangu, na zona oeste da capital.

Segundo Cabral, o BEP (Batalhão Especial Prisional), localizado em Benfica, na zona norte e que hoje concentra os PMs presos, será transformado em uma unidade prisional feminina.

"Vamos acabar com o Batalhão Especial Prisional (BEP), que se converterá a uma unidade prisional feminina. Teremos uma penitenciária exclusiva no Complexo de Gericinó, junto com as demais unidades. Estamos estudando o projeto para verificar o melhor espaço, que pode ser inaugurado em mais ou menos um ano", disse.

O anúncio oficial do fim do BEP ocorre poucas semanas depois de a polícia tomar conhecimento de que um ex-PM Carlos Ari Ribeiro, o Carlão, fez uma festa para o filho nas dependências da unidade no ano passado. Carlão é acusado de pertencer a uma das principais milícias do Rio.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública informou que o novo presídio para PMs deverá estar concluído até o fim de 2012.

Segundo a pasta, para definir as características básicas da nova unidade, uma comissão será formada para visitar unidades prisionais voltadas a receber policiais nos estados de São Paulo e Rio Grande do Sul. Também será feita uma visita à unidade prisional da Polícia Federal, em data ainda não definida;

O presidente da comissão será o coronel Waldyr Soares Filho, novo corregedor da Polícia Militar. Ele vai comandar os trabalhos da futura comissão. Espera-se que o primeiro relatório seja apresentado até o fim de outubro.

De acordo com a Secretaria, a nova unidade, ao funcionar dentro do complexo prisional de Bangu, poderá utilizar a infraestrura carcerária do local gerando maior efetividade na vigilância dos detentos.


    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG