Mulher foi morta com um tiro no rosto. Segundo a polícia, parente, cujo nome não foi revelado, foi o autor

Uma discussão por causa de uma herança de família terminou com o assassinato de uma mulher nesta segunda-feira (21) no bairro Aroeira, em Macaé, no Norte Fluminense.

A vítima, identificada como Cláudia Márcia do Amaral Rarão, foi morta com um tiro no rosto. Segundo a Polícia Civil, um parente teria sido o autor do disparo mas o nome é mantido em sigilo. O suspeito ainda não foi preso.

A mulher ainda chegou a ser levada para o Hospital Público de Macaé mas não resistiu aos ferimentos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.