Bope apreende na Rocinha maior arsenal desde o início da ocupação

Foram recolhidas 24 armas, sendo 18 fuzis e duas metralhadoras ponto 30

Raphael Gomide, iG Rio de Janeiro |

O Bope (Batalhão de Operações Especiais) da PM anunciou no início da noite desta segunda-feira (14) na favela da Rocinha, em São Conrado, na zona sul do Rio de Janeiro, a apreensão de 18 fuzis, duas metralhadoras ponto 30 (arma antiaérea), dois lança rojões, nove pistolas, uma carabina ponto 30, duas granadas e uma espingarda. O material foi achado enterrado em uma mata na localidade conhecida como Dioneia.

Leia também : Livres, moradores da Rocinha jogam bilhetes com informações à polícia

Foi o maior arsenal apreendido desde o início da ocupação, que começou na madrugada do último domingo (13).

A apreensão de 18 fuzis dobrou o número de apreensões deste tipo de arma que foi divulgado no último boletim da Secretaria de Segurança, que contabilizava 15 até as 16h.

Leia também : PM acha 150 camisas falsas da Polícia Civil e apreende arsenal na Rocinha

Dos 18 fuzis recolhidos na Dioneia, oito eram do modelo G3, sete AR-15, um Fal, um AK 47 e um M16.

Segundo a PM, o material foi encontrado graças às denúncias feitas pela população. Conforme o iG divulgou, a população da Rocinha está jogando bilhetes com informações para os policiais.

    Leia tudo sobre: ocupação da rocinhaapreensões

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG