Bondinho que tombou estava com manutenção em dia, diz secretaria

Segundo pasta dos transportes, última verificação ocorreu na semana passada

iG Rio de Janeiro |

Anderson Ramos
Peritos da Polícia Civil analisam o bonde acidentado
A Secretaria Estadual de Transportes do Rio de Janeiro informou nesta segunda-feira (29) que o bonde que tombou no último sábado (27) em Santa Teresa, na região central da capital, provocando a morte de cinco pessoas, estava com a manutenção em dia.

De acordo com a pasta, todas as sapatas do freio foram trocadas no mês de agosto. O cabeçote do compressor foi substituído no dia 15 deste mês.

Segundo a Secretaria, a última manutenção do veículo foi concluída no dia 25 de agosto. As manutenções foram realizadas por profissionais experientes da oficina, com cerca de 30 anos de serviço.  No acidente, 57 pessoas ficaram feridas. Treze permanecem internadas.

As causas do acidentes estão sendo investigadas por um inquérito que foi aberto pela 7ª Delegacia de Polícia, em Santa Teresa. O Ministério Público Estadual também vai apurar o fato.

Apesar da análise da Secretaria, ontem, representantes do Crea (Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia) informaram ter verificado que havia um pedaço de arame no lugar de parafuso debaixo da sapata do freio, uma espécie de improvisação.

Um relatório da Câmara Municipal do Rio feito por uma Comissão de Vereadores que analisou o sistema no ano passado indicou que os mecânicos usavam as peças de um bonde em outros.

Auditoria

A Secretaria de Transportes informou hoje que contratará uma instituição pública especializada nas áreas de frenagem e engenharia mecânica para realizar uma ampla auditoria no sistema dos bondes que circulam pelo bairro de Santa Teresa, na região central carioca.

Segundo a pasta, será feita uma análise geral do serviço (vias permanentes, bondes e pantógrafo) a fim de verificar os investimentos e estudos já feitos e propor mudanças necessárias.

    Leia tudo sobre: acidente com bondesanta teresa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG