Bombeiros voltam a protestar em frente da Alerj

Militares pedem anistia aos colegas que foram presos por invadir quartel

iG Rio de Janeiro |

Luiz Gomes/Agência O Globo
Cerca de 500 bombeiros fazem protesto em frente da Alerj nesta quinta-feira
Bombeiros voltaram a realizar uma manifestação em frente da sede da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) na tarde desta quinta-feira (16). O protesto agora é pela anistia aos 429 colegas que foram presos por invadirem o Quartel-Central da corporação no último dia 3.

Segundo a Polícia Militar, cerca de 500 bombeiros participam da manifestação com faixas e cartazes. Os militares querem que os colegas não sejam punidos administrativamente nem criminalmente. PMs também integram o protesto.

Os deputados da Alerj já encaminharam um pedido para a criação de uma PEC (Proposta de Emenda Constitucional) para anistiar os bombeiros.

A categoria anunciou hoje que pretende realizar no próximo dia 26 a "Marcha pela Anistia" no aterro do Flamengo, na zona sul da capital.

Os 429 bombeiros presos por invadirem o quartel foram soltos no último sábado (11) após a Justiça conceder habeas corpus. Os militares, no entanto, foram denunciados pelo Ministério Público Estadual e vão responder processo pela invasão bem como a danificação de viaturas e equipamentos da corporação.

    Leia tudo sobre: bombeirosprotestoAlerj

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG