Bombeiros acreditam ter achado mais dois corpos neste sábado

Equipes que trabalham em resgate de desmoronamento de três prédios usam neste momento escada magirus. Mortos subiriam para 19

Bruna Fantti, iG Rio de Janeiro |

Os bombeiros acreditam terem encontrado mais dois corpos nos escombros onde três prédios desabaram no Centro do Rio de Janeiro. No momento eles usam uma escada magirus na operação. Se a informação for confirmada, subiria para 19 o número de mortos encontrados no desastre.

Veja vídeo: Câmera mostra momento do desabamento

Antes e depois: Como era e como ficou o local onde os prédios caíram

Na noite da sexta-feira e madrugada do sábado foram encontrados três corpos, aumentando para 17 as confirmações de morte. São sete homens, seis mulheres e quatro ainda não tiveram o sexo confirmado.

Victor Corrêa
Bombeiros retiram 17º corpo dos destroços de prédio que desabou no Rio

Também na madrugada, h ouve uma recontangem em conjunto com a secretaria municipal de Assistência Social no número de desaparecidos, agora são cinco . Algumas famílias teriam procurado por pessoas que não estariam no local do desabamento dos três prédios no centro do Rio de Janeiro. No ínicio, eram 27 vítimas, no entanto agora são 22, das quais 17 já foram encontradas.

Segundo o secretário estadual de Defesa Civil, coronel Sérgio Simões, ontem um corpo foi encontrado no local onde o entulho retirado pelos bombeiros está sendo depositado pela Comlurb.

O cadáver teria sido retirado do local em meio aos destroços, por uma escavadeira, e isso não foi percebido pelos bombeiros.

Simões afirmou que o corpo estava muito dilacerado, mas por uma das mãos foi possível saber que pertencia a uma mulher.

"Nessa madrugada um corpo em muito mau estado, muito dilacerado, saiu daqui sem que nós percebêssemos, foi levado para o local destinado aos entulhos que estão sendo daqui retirados, num espaço da Comlurb. E nós identificamos esse corpo há pouco tempo, já providenciamos a sua remoção e o corpo está sendo levado para o IML" explicou Simões.

O oficial descartou também a possibilidade de haver sobreviventes em meio aos destroços. "As chances são mínimas, não acreditamos mais que isso possa ser possível", disse.

Os trabalhos de busca ainda não tem previsão de término e não serão interrompidos, apesar da chuva.  Até agora, cerca de 7 pessoas permanecem desaparecidas e outras seis ficaram feridas.

    Leia tudo sobre: desabamento de prediosrio de janeiroobras

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG