Advogado é preso após efetuar disparos para o alto em rua do Rio

Suspeito disse que queria matar um juiz, mas não informou o nome da vítima

iG Rio de Janeiro |

Um advogado foi preso na noite de domingo (4) após efetuar disparos para o alto na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro. Os moradores acionaram a Polícia Militar após ouvirem os tiros, por volta das 21h, na Rua Uruguai.

De acordo com a PM, o suspeito estava em uma bicicleta. Ao ser abordado pelos agentes, ele caiu da bicicleta, gritou com os policiais e tentou esconder a pistola que portava jogando-a embaixo de um veículo estacionado na região.

Segundo a polícia, o advogado disse que queria matar um juiz, mas não o encontrou. Ele não soube informar o nome da suposta vítima. A PM informou que o homem estava visivelmente alterado. Parentes dele foram ao local para ajudá-lo.

O suspeito foi autuado por porte ilegal de arma, desacato a autoridade, desobediência e perturbação da ordem. O caso foi registrado na 19ª DP (Tijuca).

    Leia tudo sobre: desacatotirosadvogado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG