Adriano tem carteira de habilitação apreendida em blitz

Jogador aparentava sinais de embriaguez, de acordo com agentes da Lei Seca

iG Rio de Janeiro |

Na madrugada desta quarta-feira (9), o jogador Adriano, atacante do Roma, da Itália, se recusou a fazer o teste do bafômetro em uma blitz da Lei Seca e teve sua carteira de habilitação apreendida.

Ag.News
Jogador Adriano bebe um chopp em uma churrascaria
De acordo com o Major PM Marco Andrade, coordenador da operação, o atleta apresentava sinais de embriaguez ao ser detido na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade.

Como se recusou a fazer o teste, Adriano sofreu punições como se estivesse dirigindo alcoolizado. Sua carteira de habilitação foi retida e só poderá ser retirada após transcorridos cinco dias do pagamento de um multa de R$ 957,70.

O jogador ainda vai enfrentar um processo no Detran (Departamento Estadual de Trânsito) - o que pode resultar na cassação de sua habilitação por um ano.

O carro do atacante não foi apreendido, já que ele chamou um amigo para dirigir o veículo até sua casa.

Adriano chegou ao Rio de Janeiro na última segunda-feira (7), para se recuperar de uma cirurgia no ombro direito. Assim que chegou na cidade, foi flagrado em uma churrascaria bebendo cerveja .

Ele deve retornar para o time europeu até o próximo dia 26 de fevereiro.

    Leia tudo sobre: Adrianolei seca

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG