Rio vai premiar eficiência de empresas de ônibus nos próximos reajustes

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Ideia é implementar a política a partir de outubro de 2015, quando os contratos de licitação dos consórcios de ônibus serão revistos

Agência Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, disse hoje (18) que planeja valorizar a eficiência das empresas de ônibus, garantindo maior retorno financeiro àquelas que consigam reduzir custos. A ideia é implementar a política a partir de outubro de 2015, quando os contratos de licitação dos consórcios de ônibus serão revistos.

“Há problemas estruturais no nosso modelo de transporte. A gente acaba fazendo a conta da tarifa pelas despesas da empresa. Ao remunerá-las pelo custo, o modelo implementado no Brasil não força as empresas a reduzir custos. Tem empresa que é bem gerenciada, mas tem empresa que vai mal. Então, o povo paga o custo da que é mal gerenciada. Nessa revisão tarifária de outubro, queremos avançar para que a eficiência do concessionário possa ser remunerada”, disse Paes, durante reunião do Conselho da Cidade.

Para subsidiar a criação de um novo modelo de reajuste tarifário, a prefeitura contratou duas empresas para auditar consórcios de ônibus urbanos no Rio. O resultado das auditorias deverá ser divulgado no início do ano que vem.

Paes disse que o reajuste tarifário previsto para o início de janeiro seguirá o modelo atual. O prefeito não adiantou o valor do reajuste. As tarifas de ônibus foram o estopim para manifestações populares que ocorreram em várias cidades brasileiras em junho do ano passado.

Leia tudo sobre: brasilrio de janeiroigspempresas de ônibus

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas