Outros 19, autuados por desacato, desobediência, resistência e lesão corporal, foram liberados

Agência Brasil

A Polícia Civil informou que 19 pessoas autuadas durante os protestos de ontem (7) foram liberadas. Uma pessoa presa em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso restrito continua detida. As autuações foram por desacato, desobediência, resistência e lesão corporal. Nove pessoas com máscaras foram conduzidas a delegacias para serem identificadas.

Leia mais: Manifestantes deixam rastro de destruição no Rio

São Paulo: Nove pessoas seguem presas após protestos do 7 de Setembro

Na parte da manhã de ontem, oito pessoas foram autuadas e liberadas na 17ª Delegacia de Polícia (São Cristóvão) e mais oito na 12ª Delegacia de Polícia (Copacabana). Na delegacia da zona sul, foi registrada a prisão em flagrante, por porte de uma bomba e três sinalizadores. A 19ª Delegacia de Polícia (Tijuca) também recebeu um autuado, que foi liberado.

Durante a tarde, duas pessoas foram autuadas e liberadas pela 21ª Delegacia de Polícia (Bonsucesso), para onde foram encaminhadas mais 46 pessoas para averiguação, apesar de a manifestação ocorrido entre os bairros de Laranjeiras e Lapa, na zona sul e no centro.

7 de Setembro: Feriado é marcado por protestos, confrontos e prisões no País

A polícia apreendeu uma faca, um canivete, máscaras, bolas de gude, um spray de gás lacrimogêneo, um canivete, um estilingue e um desfragmentador de maconha.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, 14 pessoas deram entrada no Hospital Souza Aguiar, no centro, com ferimentos leves, e todas já foram liberadas pelos médicos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.