Pontífice ouviu confissões e recebeu detentos no Palácio São Joaquim. Próximo compromisso é em Copacaba

Agência Estado

O papa Francisco deixou o Palácio São Joaquim, na zona sul do Rio, onde almoçou com jovens peregrinos e teve um encontro com presidiários. Por volta das 14h45, o pontífice chegou ao Centro de Estudos do Sumaré, onde está hospedado desde segunda-feira (22).

Saiba tudo sobre a Jornada Mundial da Juventude
Paes assume falhas de organização e confirma 9,5 km para peregrinação
No Twitter, papa Francisco agradece por acolhida "inesquecível" em Copacabana

De acordo coma a agenda oficial, Francisco deve descansar até o final da tarde, quando segue para a via-crúcis da Jornada Mundial da Juventude, na praia de Copacabana.

Veja fotos do 5º dia de visita do papa ao Rio:

Centenas de pessoas permaneceram diante do palácio para ver a saída do pontífice. Horas antes, Francisco fez a Oração do Ângelus no local para cerca de 5 mil fiéis, segundo estimativas de policiais militares.

Os acessos à praia de Copacabana já estão fechados, conforme planejamento estabelecido pela Prefeitura do Rio. Ônibus, táxis e carros particulares não podem circular pelas vias que levam ao bairro.

A via-crúcis está marcada para Às 18h, começa na altura da Rua Santa Clara e percorrerá 13 estações ao longo da Avenida Atlântica.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.