Tradicional transporte do bairro parou de circular em 2011, depois que descarrilou e tombou, deixando seis mortos

Agência Brasil

Moradores protestaram com cartazes, além réplicas de um bonde e de caixões
Reynaldo Vasconcelos/Futura Press
Moradores protestaram com cartazes, além réplicas de um bonde e de caixões

Moradores de Santa Teresa, na zona sul da cidade, fizeram na tarde deste sábado (13) um protesto em frente ao Palácio Guanabara, sede do governo fluminense, em defesa do bondinho que circulava pelo bairro. Os manifestantes se concentraram no Largo do Machado e depois seguiram para o palácio.

Leia também:
Homem é baleado ao deixar festa na Ladeira dos Tabajaras
Operação contabiliza 29 presos e 3 menores apreendidos na Rocinha

Eles ocuparam uma faixa da Rua Pinheiro Machado e protestaram com cartazes, além réplicas de um bonde e de caixões. Entre as mensagens estavam “Bonde Já! Dois anos sem o bonde já é demais”.

O tradicional bonde de Santa de Teresa parou de circular em agosto de 2011, depois que o bondinho descarrilou e tombou, deixando seis mortos e mais de 50 feridos. A primeira audiência de instrução e julgamento dos acusados de ter responsabilidade no acidente está marcada para o próximo dia 18, na 39ª Vara Criminal do Rio de Janeiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.