Previsão é que ônibus de fiéis parem em Itaipava, Casimiro de Abreu e Aparecida do Norte

O Dia

Os quase 25 mil ônibus previstos para chegarem à cidade com peregrinos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) vão ficar fora da capital. Três lugares estão entre os previstos para estacionar a frota que irá trazer fiéis de outros estados e cidades: Itaipava, Casimiro de Abreu e Aparecida do Norte, em São Paulo.

Leia também:
Ordem do papa, jesuítas são conhecidos pelo desapego material
Rio de Janeiro terá esquema operacional de réveillon para JMJ em Copacabana

A estratégia da Prefeitura é evitar ao máximo que ocorra transtorno no trânsito. Desta forma, os motoristas teriam um tempo para chegar e deixar os peregrinos e, após o desembarque, retornariam para os “bolsões” de estacionamento. Isso diminuiria o risco de ocorrer tours na cidade com turistas em milhares de ônibus, o que pararia o trânsito na capital.

Papa será monitorado por 12 mil agentes na Jornada Mundial da Juventude

Apesar de ficar em São Paulo, Aparecida surge como forte candidata porque, além de ser um dos locais que o papa vai visitar, fica a apenas três horas e meia do Rio. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.