Bebê atropelado será sepultado em Realengo, no Rio

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Morte de menina de três meses em Padre Miguel gerou comoção. Relatos de testemunhas indicam que motorista estaria alcoolizado na hora do atropelamento

Agência Estado

Será enterrado hoje o corpo da menina Kawany Vitoria Agostinho de Souza, de 3 meses, atropelada na tarde desta quarta-feira, 17, por um carro em Padre Miguel, na zona oeste do Rio. O sepultamento está marcado para o fim da tarde no cemitério do Murundu, em Realengo. A mãe do bebê, Jéssica Agostinho, estava com ele quando houve o acidente e não ficou ferida.

Relatos de testemunhas indicam que o motorista estaria alcoolizado. O carrinho de bebê foi imprensado contra um poste. O motorista sofreu traumatismo craniano e teria sido agredido após o atropelamento, antes de ser levado por policiais a um hospital. O carro foi incendiado por moradores do local.

Leia tudo sobre: atropelamentomorte de bebê

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas