MP e Bombeiros agendam reunião para discutir fiscalização em boates do Rio

Por O Dia |

compartilhe

Tamanho do texto

Ouvidoria do Ministério Público já recebeu nove denúncias sobre estabelecimentos irregulares em quatro bairros da capital fluminense; encontro deve ocorrer na quinta-feira

A Ouvidora-Geral do Ministério Público do Rio, Georgea Marcovecchio Guerra, agendou uma reunião para a próxima quinta-feira (31) com o Chefe do Estado Maior do Corpo de Bombeiros, Coronel Alcântara, para requerer vistoriais nos estabelecimentos comerciais, bares e casas noturnas denunciados

Especialistas: “Tragédia mostra falta de conhecimento das autoridades brasileiras”

O objetivo da ação é evitar tragédias como a que matou mais de 230 pessoas em Santa Maria, no Rio Grande do Sul. O encontro está previsto para às 11 horas no gabinete da Ouvidoria. Após o incêndio em Santa Maria, a Ouvidoria vem recebendo, desde o início desta semana, denúncias de possíveis irregularidades em diversos estabelecimentos.

Segurança: “Normas para evitar tragédias existem, faltam bombeiros para cobrar”

Foram recebidas nove denúncias de locais em pelo menos quatro bairros da Rio: centro, Barra da Tijuca, Botafogo e Copacabana; e uma, na Região Serrana. Na segunda-feira (28), a 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Campos instaurou Inquérito Civil para apurar o número de boates e estabelecimentos comerciais localizados nas cidades de Campos, São Fidélis, São João da Barra e São Francisco de Itabapoana. O objetivo é verificar se os locais estão adequados para a realização de eventos.

Leia tudo sobre: mpbombeirosincêndio em santa mariario de janeiro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas