Pane elétrica paralisa metrô por 2 horas no Rio de Janeiro

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Incidente ocorreu às 8h devido a um problema eletromecânico em uma composição, que levou à desenergização dos trilhos. Passageiros ficaram até 50 minutos dentro de trens

Agência Estado

Agência Estado

Uma pane na rede elétrica deixou o metrô do Rio inoperante por duas horas na manhã desta segunda-feira (28), causando paralisação em oito estações da zona sul da cidade, entre os bairros de Ipanema e do Catete.

Leia também: Justiça paralisa obras do metrô em Ipanema, no Rio

Felipe Freire / Agência O Dia
Estação Siqueira Campos lotada após problema no metrô

O incidente ocorreu por volta das 8h, devido a um problema eletromecânico em uma composição, que levou à desenergização dos trilhos. Três dos trens que operavam no momento da pane ficaram parados entre as estações, e os passageiros tiveram que caminhar pelos trilhos até o ponto de desembarque mais próximo.

Alguns passageiros chegaram a ficar 50 minutos presos dentro dos vagões. De acordo com a concessionária Metrô Rio, responsável pela administração do sistema, os passageiros foram retirados com a ajuda de agentes do metrô, após terem sido realizados todos os procedimentos para garantia de segurança.

A paralisação causou reflexos no trânsito próximo à Estação Glória, que funcionou como estação terminal - os passageiros que seguiriam viagem tiveram as suas passagens devolvidas, através de bilhete unitário, e se aglomeravam nas calçadas para tentar embarcar nos ônibus da região. Guardas municipais tiveram que ajudar a organizar o embarque nesses coletivos.

A circulação de trens foi normalizada por volta das 10h05. Em nota, o MetrôRio informou que o incidente foi um problema isolado, e que os usuários foram informados da situação de forma contínua, nas estações e nas redes sociais. O sistema metroviário do Rio registra uma média de 215 mil viagens diárias.

Leia tudo sobre: metrôpanerio de janeiro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas