Operação do Bope deixa três mortos no Morro do Dendê no Rio

Por O Dia , Marcello Victor |

compartilhe

Tamanho do texto

Dupla de traficantes e uma mulher de 19 anos acabaram mortos na ação contra o tráfico de drogas na comunidade. Até o momento, um suspeito foi preso e outro continua foragido

Dois homens apontados como traficantes e uma jovem de 19 anos foram mortos e um suspeito foi preso durante uma operação do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), realizada desde a madrugada desta quinta-feira, no Morro do Dendê, na Ilha do Governador, zona norte do Rio. Houve intensa troca de tiros.

Mais: Ação com cem agentes da Polícia Civil busca suspeitos de matar policial no Rio

Segundo a polícia, um suspeito conseguiu fugir do cerco e está sendo procurado. A família da jovem que estava com ele diz que houve imperícia na ação. Armas e drogas foram apreendidos. De acordo com o major Ivan Blaz, relações-públicas do Bope, a ação teve início às 2h.

Divulgação
Armas e drogas que foram apreendidas nas primeiras horas da operação do Bope

Os policias foram ao Morro do Dendê após a constatação do Serviço de Inteligência da PM sobre a presença de bandidos fortemente armados e de venda ostensiva de drogas na comunidade.

Desde a chegada da tropa de elite da PM houve intenso tiroteio no morro. Ainda segundo o major Ivan Blaz, durante o confronto um homem tentou fugir do cerco na companhia de uma jovem em um Gol. Michele Valentin dos Santos foi baleada na cabeça e no ombro. Ela morreu no Hospital Paulino Werneck, na Ilha do Governador.

O suspeito abandonou o veículo e fugiu. No interior do carro, no entanto, os PMs encontraram a identidade dele. De acordo com um levantamento de dados, o homem tem passagem na polícia. Ele está sendo procurado. A

família de Michele diz que ela voltava de uma festa e que os policiais atiraram contra o veículo que ela estava e não houve abordagem. O material apreendido e o preso foram levados para 21ª DP (Bonsucesso), onde a ocorrência está sendo registrada.

Leia tudo sobre: operaçãobopemorro do dendêprisãotráfico de drogas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas