Rios Pavuna e Capivari atingiram pelo menos 80% do nível de transbordamento. Na capital fluminense, ruas amanheceram alagadas e intransitáveis; veja imagens

Rua do Lavradio ficou completamente tomada pela água da chuva, no Rio
Adriano Araújo / Agência O Dia
Rua do Lavradio ficou completamente tomada pela água da chuva, no Rio

O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) decretou alerta máximo para a região onde ficam dois rios da Baixada Fluminense. Esse é o mais grave dos quatro níveis criados pelo instituto. Devido à forte chuva que atingiu a área nas últimas horas, os rios Pavuna e Capivari, localizados nos municípios de Duque de Caxias, Belford Roxo e São João de Meriti, atingiram pelo menos 80% do nível de transbordamento.

Mais: Criança desaparecida após chuva é localizada em Nova Iguaçu

Prevenção a desastres naturais ainda esbarra em ‘entraves políticos’ no Brasil

Mais 11 rios da Baixada estão em estágio de atenção, o terceiro dos níveis, devido à previsão de chuvas moderadas e fortes. Segundo o Inea, todos os rios na Região Serrana estão em estágio de atenção.

Várias ruas da capital fluminense ficaram alagadas, depois de um temporal no início da manhã. De acordo com o Instituto Nacional de Meteoroliga (Inmet) deve chover mais ao longo do dia em áreas isoladas.

Chuva na madrugada

A forte chuva que atingiu a cidade na madrugada desta terça-feira ainda causa transtornos para os cariocas nesta manhã. Diversos bairros estão com ruas alagadas e instrasitáveis na capital fluminense. Ainda chove em diversos bairros. Na Lapa, ruas estão completamente tomadas pela água e sem condições de tráfegar, como a rua do Lavradio. Na rua Teixeira de Freitas há diversos bolsões d'água, assim como na avenida Mem de Sá, o que causa retenções nas vias.

Jacarezinho: Passageiros ficam ilhados em ônibus no Jacarezinho e são resgatados de bote

Já na zona norte, o rio Joana transbordou e invadiu a Radial Oeste, deixando o tráfego de veículos interrompido. Neste momento, o nível do rio baixou, mas o trânsito segue lento. No início desta manhã, choveu forte em bairros como Santa Teresa, Grajaú, Tijuca, Saúde, Urca e Copacabana. Ainda chove em diversos pontos da cidade.

Aterro do Flamengo virou um rio e motoristas ficaram ilhados
Leitor/O Dia
Aterro do Flamengo virou um rio e motoristas ficaram ilhados

Na zona sul, a rua do Catete está interditada por conta do grande alagamento que ocupa a via na altura da rua Silveira Martins. O tráfego está sendo desviado pela rua Ferreira Viana. O Aterro do Flamengo também está interditado no sentido Copacabana e motoristas devem seguir pela Praia do Flamengo.

Na avenida Brasil, há bolsões d'água na altura de Manguinhos e Bonsucesso, causando transtornos para quem segue em direção ao centro.

*com O DIA e Agência Brasil

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.