Polícia interdita apartamentos vazios de hotel onde bebê caiu

Menino de um ano e quatro meses morreu ao cair do quarto andar do hotel, na Barra da Tijuca, no Rio

O Dia |

A Polícia Civil interditou os apartamentos vazios do hotel Paradiso All Suites, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, após um bebê de um ano e quatro meses ter morrido ao cair da varada do quarto andar, na tarde de sexta-feira.

Leia também:  Polícia faz perícia em suíte de hotel do Rio onde bebê caiu da varanda e morreu

Os peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) constataram que existe um espaço de 40 centímetros entre os vidros da varanda, suficiente para uma criança do tamanho do menino passar pelas brechas.

A polícia quer ouvir na próxima semana os responsáveis pelo hotel. Os pais da vítima, que são de Brasília, estavam no Rio para o réveillon. O delegado Robson Gomes, da 16ª DP (Barra da Tijuca), trata o caso, inicialmente, como homicídio culposo (quando não há a intenção de matar).

O menino teria caído após a família entrar na suíte. Enquanto os pais acomodavam as malas com a ajuda de um carregador, a criança seguiu para a varanda, onde havia o vão por onde caiu. Abalados, os três prestaram depoimento nesta sexta sexta-feira.

O corpo da criança será liberado do Instituto Médico Legal (IML) e encaminhado para Brasília.

    Leia tudo sobre: morteacidentecriançahotel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG