Helicóptero dos Bombeiros cai no mar de Copacabana

Acidente ocorreu no momento em que grupo resgatava banhista que se afogava. Todos foram resgatados e passam bem

O Dia | - Atualizada às

Ale Silva/Futura Press
Resgate de tripulantes de helicóptero do Corpo de Bombeiros que caiu no mar, em Copacabana, no Rio de Janeiro

Um helicóptero Águia do Grupamento Aeromarítimo do Corpo de Bombeiros caiu no mar da Praia de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, na tarde deste sábado. O acidente teria ocorrido no momento que o grupo resgatava um banhista que estava se afogando no local. Quatro tripulantes estavam no veículo que afundou logo depois de cair. À princípio, a assessoria do Corpo de Bombeiros afirmou que o helicóptero havia feito um pouso forçado na água.

Banhistas que estavam no local relatam que o resgate foi rápido e o piloto do helicóptero saiu mancando, como se estivesse com a perna quebrada. Os quatro ocupantes da aeronave foram resgatados com ferimentos leves e levados para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Zona Sul. Em seguida, eles foram transferidos para o hospital dos bombeiros, no Rio Comprido.

Ronaldo Alcântara, o helicóptero teria tido uma perda de rotação na hora do salvamento e optou por um pouso forçado. O subcomandante descartou qualquer possibilidade de erro do piloto. Ele também afirma que não há como ter sido causado por uma onda, pois a aeronave fica a 10 metros do mar em resgates.

O subcomandante falou também sobre os relatos de que o banhista teria sido salvo por um surfista. Ela nega a afirmação e diz que um salva-vidas fez o resgate. O banhista passa bem e não precisou ser encaminhado para o hospital.

As causas do acidente serão apuradas pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa). O helicóptero, que está submerso, será resgatado com a ajuda de flutuadores e posteriormente rebocado.

* Reportagem de Caio Barbosa

    Leia tudo sobre: acidentehelicópterobombeiros

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG