Agricultor morre por causa das chuvas na região serrana do Rio

Fabiano Luz Rodrigues, de 28 anos, foi arrastado pelas águas enquanto tentava atravessar ponte. Rio Imbé subiu três metros acima do nível normal em decorrência das fortes chuvas

Agência Estado |

Agência Estado

O agricultor Fabiano Luz Rodrigues, de 28 anos, é a primeira (e a única, até o início da noite desta quarta-feira, 14) pessoa morta em razão da chuva que atingiu o Estado do Rio na terça-feira (13). Ele morava em Trajano de Moraes, na Região Serrana.

Na terça, por volta do meio-dia, saiu da fazenda onde morava e seguiu para o centro da cidade. Ao tentar atravessar a ponte do rio Imbé, que estava três metros acima de seu nível normal, Fabiano acabou arrastado pela água. Seu corpo foi encontrado nesta quarta-feira (14), à margem do rio, a cerca de dois quilômetros do local onde havia sumido.

Cerca de 230 famílias de Trajano de Moraes estão desalojadas. Dessas, 120 ocupam abrigos municipais, segundo a Defesa Civil. As demais estão em casa de parentes.

Em Nova Friburgo, uma das cidades mais atingidas pela chuva, a situação melhorou nesta quarta. Sob chuva fraca e intermitente, a cidade trocou o estado de alerta pelo de atenção, que é menos grave. Na terça, pedras deslizaram sobre casas desocupadas e destruíram pelo menos seis delas. Dois moradores da região sofreram escoriações.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG