Desembargador é morto a tiros em Niterói

Vítima ia buscar os netos na escola quando foi abordado por dois homens armados

Agência Estado |

Agência Estado

O desembargador aposentado Gilberto Fernandes, de 79 anos, foi morto a tiros em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, na noite de quinta-feira (25), em uma suposta tentativa de assalto. O magistrado foi atacado às 22 horas no bairro de Icaraí, região nobre da cidade.

Segundo o relato de testemunhas à polícia, o desembargador foi abordado por dois homens armados que se aproximaram de seu veículo na Avenida Sete de Setembro e deu marcha à ré. Os suspeitos atiraram e fugiram em seguida. Baleado no pescoço e na cabeça, Fernandes foi levado para o Hospital Estadual Azevedo Lima, mas morreu durante a madrugada.

A Polícia Civil vai requerer imagens de câmeras de segurança de prédios próximos ao local onde o crime ocorreu para tentar identificar os assassinos. O caso foi registrado na 77ª DP (Icaraí).

    Leia tudo sobre: Niteróidesembargadorviolência em Niterói

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG