Polícia prende taxistas acusados de transportar maconha para traficantes

Homens prestavam serviço nas comunidades de Manguinhos, Jacarezinho e Mandela

Agência Estado |

Agência Estado

Dois taxistas foram presos nesta terça-feira em Inhaúma, na zona norte do Rio, acusados de prestar serviço a traficantes das comunidades de Manguinhos, Jacarezinho e Mandela. Eles admitiram que recebiam dinheiro para transportar drogas dessas comunidades até outras favelas, como Antares, Rola e Sapo, em Santa Cruz (zona oeste), e aos morros da Coruja, em São Gonçalo, e Salgueiro, em Niterói, ambos na região metropolitana.

Leia mais: Bope nega toque de recolher na Favela do Jacarezinho

Vinicius Ramos, de 23 anos, afirmou que recebia até R$ 2.000 para transportar as drogas. Em outro veículo, à frente, seguia Sidnei Paiva, de 43 anos, que recebia de R$ 200 a R$ 500 para atuar como batedor e auxiliar o comparsa, caso encontrassem policiais durante o trajeto. Com eles a polícia apreendeu sete tabletes de maconha.

Veja também: Vídeo mostra Bope destruindo piscina do tráfico no Jacarezinho

Segundo a Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo, responsável pela operação, a investigação indica que pelo menos mais três taxistas participavam do esquema. Eles estão sendo procurados. Além dos dois taxistas, outras três pessoas foram detidas acusadas de integrar a quadrilha.

As favelas de Manguinhos, Mandela e Jacarezinho estão ocupadas por policiais militares do Bope (Batalhão de Operações Especiais) desde o último dia 14. Em janeiro de 2013, a área deve ganhar Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs).

    Leia tudo sobre: maconhajacarezinhomanguinhosbopetaxistastráfico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG