Após suposta briga, casal morre ao cair de 21º andar de prédio no Rio

Mulher foi identificada como a advogada Adriana Pontes. Delegado do 5º DP informou que havia marcas de sangue e luta corporal em sala de edifício

O Dia |

Um homem e uma mulher morreram após caírem do 21º andar, do prédio 185 na avenida Rio Branco, no centro do Rio de Janeiro. A mulher foi identificada como a advogada Adriana Maria Ribeiro Pontes. O homem não possuia documento e ainda não foi identificado. A polícia já sabe que houve luta corporal antes da queda. O acidente ocorreu por volta das 22h40.

Segundo testemunhas, uma briga teria provocado a tragédia. De acordo com informações iniciais, as vítimas teriam discutido, aos berros, e caído após travarem luta corporal. A janela por onde eles despencaram fica na sala 2.121, em um vão interno do edifício Marquês do Herval.

Rio-Teresópolis:  Acidente com ônibus deixa 11 mortos e ao menos 17 feridos

A polícia informou que o imóvel é do tipo misto (comercial e residencial) e possui uma porta de segurança reforçada. De acordo com o adjunto do 5º DP (Mém de Sá), delegado Leonardo Affonso, havia marcas de sangue e luta corporal na sala.

Uma vizinha contou aos policiais do 5º BPM (Praça da Harmonia), que atenderam a ocorrência, que o casal vinha brigando havia pelo menos um mês e que ela mesma já tinha acionado a PM outras vezes assustada com as discussões. A moradora revelou que, antes da queda, chegou a ver a vítima na sacada do imóvel e um homem atrás.

A advogada trabalhava e costumava pernoitar no local. O homem seria o namorado dela que visitava o imóvel com frequência. A sala, aliás, já teria sido usada há alguns anos como escritório de jogo do bicho. No imóvel há uma porta de segurança reforçada.

Segundo peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli, Adriana trajava apenas sutiã e calça. No entanto, não foi possível precisar quem caiu primeiro. As testemunhas serão convocadas a prestar depoimento na delegacia.

*reportagem de Flávio Araújo e Marcello Victor

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG