'Não teremos mais uma Faixa de Gaza', diz Beltrame sobre operação no Rio

Secretário de Segurança Pública comentou operação que ocupou na manhã deste domingo os complexos de Manguinhos e Jacarezinho, na zona norte da cidade

Carla Falcão - iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

O secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, comemorou o resultado da operação que ocupou na manhã deste domingo os complexos de favelas de Manguinhos e Jacarezinho , na zona norte da cidade. Em entrevista coletiva no fim da manhã, Beltrame afirmou que o governo trabalha com o objetivo central  de devolver o território, antes ocupado por criminosos, às 70 mil pessoas que vivem no local. 

Operação: Policiais ocupam complexos de Manguinhos e Jacarezinho, no Rio

Leo Correa, Agência O Dia
Crianças brincam com policiais do Bope em Manguinhos


Ao exaltar o fato de a operação ter ocorrido de forma pacífica e "sem disparar uma arma de fogo e sem derrubar nenhuma gota de sangue", Beltrame relembrou o apelido de "Faixa de Gaza" dado à área que engloba os complexos de favelas. "Se Deus quiser, no dia de hoje, não teremos mais uma Faixa de Gaza", afirmou Beltrame.

O secretário ressaltou que o resultado da operação reflete o "aprendizado" das forças de segurança. “Foi uma ocupação com tempo recorde, com uma proposta que sem dúvida nenhuma procura preservar a vida”, disse.

Previsão: Cabral confirma que Manguinhos e Jacarezinho terão UPPs

Galeria: Confira as imagens da operação realizada neste domingo pela polícia no Rio 

Luiz Ackermann, Agência O Dia
Beltrame: "Não teremos mais uma Faixa de Gaza"

"Foi uma operação totalmente diferente das outras", emendou Beltrame. "Acho que é uma vitória importante para a cidade e uma vitória importante para a população.” Ainda segundo Beltrame, o ponto forte da operação de hoje foi a "inteligência policial".

Beltrame confirmou a informação dada mais cedo pelo governador, Sérgio Cabral, sobre a instalação de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) na área. Segundo ele, a instalação das unidades em Manguinhos, Mandela e Varginha deve ocorrer até dezembro deste ano. Em Jacarezinho, a previsão é de que isso ocorra até janeiro do ano que vem. "Nosso objetivo é levar paz e tranquilidade às pessoas."

O secretário explicou que, a partir de hoje, a ocupação policial será permanente em Manguinhos, Mandela e Vargina. Já o Jacarezinho será ocupado sistematicamente, com operações diárias.

Chefe de Polícia Civil, a delegada Martha Rocha ressaltou que o trabalho da polícia não se encerra hoje, com a ocupação das comunidades. Segundo ela, é importante que a população colabore e utilize mecanismos de denúncia para assegurar o sucesso da operação. "Nenhuma das informações que recebemos pelo Disque-Denúncia é desconsiderada", destacou.

Desde a ocupação dos complexos do Jacarezinho e Manguinhos, o Disque-Denúncia já recebeu 83 denúncias sobre a região, segundo dados divulgados no início da tarde.

Um balanço completo sobre a operação deverá ser divulgado até o final do dia. 

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG