Frente fria fica no Rio de Janeiro até sexta-feira, diz Inmet

Temperatura máxima ficará em torno dos 27°C e, a mínima, por volta dos 12°C

Agência Brasil |

Agência Brasil

Alessandro Costa / Agência O Dia
Frente fria deixou o mar agita em toda a orla do Rio de Janeiro, como na Praia do Arpoador

A frente fria que chegou ao Rio de Janeiro na noite passada vai permanecer até a próxima sexta-feira (28), informou hoje (26) o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). De acordo com o órgão, nos próximos dois dias, a temperatura máxima ficará em torno dos 27°C e a mínima por volta dos 12°C durante a madrugada. Já os ventos devem atingir 50 quilômetros por hora (km/h) na capital fluminense.

Leia também:  Santa Catarina registra -5,6°C e tem neve em plena primavera

O Inmet registrou ventos de 60km/h a 80km/h na noite passada, além de pancadas de chuvas e trovoadas. Em Copacabana, na zona sul da cidade, os ventos chegaram a 75,6 km/h e na Restinga de Marambaia, no litoral do estado, a 74,8 km/h.

Alessandro Costa / Agência O Dia
Ondas podem chegar a 3 metros de altura em Ipanema e Copacabana, alertou a Marinha

A meteorologista do Inmet Marlene Leal de Almeida Souza explicou que durante os meses de agosto e setembro uma massa de ar quente predominou em grande parte do País, impedindo que as frentes frias atingissem a Região Sudeste.

Ela destacou que as quedas de temperatura são constantes nos períodos de transição das estações. "A umidade relativa alta e muito vapor d'água na atmosfera fazem com que essas chuvas sejam mais intensas", disse.

Segundo Marlene Leal, a chuva continua até o fim do dia de hoje, mas, a partir de amanhã, a intensidade começa a diminuir. Mesmo com a trégua da chuva no próximo fim de semana, as temperaturas devem continuar baixas. 

"Hoje nós devemos ficar com uma temperatura em torno de 25°C e 26°C. Algumas áreas na zona oeste podem registrar um pouco mais, mas a tendência é que a temperatura fique por volta de 22°C. Durante a madrugada dos próximos dias, as temperaturas vão caindo aqui na cidade e na região serrana", destacou.

Alessandro Costa / Agência O Dia
Mesmo com o tempo frio, algumas pessoas não deixaram de praticar atividades físicas na orla do Arpoador

Acompanhe a previsão do tempo para a sua cidade

Em relação a possíveis ressacas nas praias do Rio de Janeiro, a Marinha do Brasil informou que em Copacabana e Ipanema, na zona sul, as ondas podem chegar a 3 metros (m). De acordo com o capitão de corveta, Walid Seba, na Baía de Guanabara, as ondas podem atingir 1,5 m, o que é considerado elevado para a área.

"Na Baía de Guanabara pode haver algum transtorno. Em maio do ano passado, as ondas alcançaram 1,5 m e causaram destruição na orla de Icaraí [em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro]", lembrou.

Devido às altas temperaturas registradas no inverno deste ano, que chegaram a 41°C, o presidente do Clube dos Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDL), Aldo Gonçalves, acredita que as roupas de frio não terão tanta procura no comércio. "Este ano, o inverno foi atípico e fez muito calor. Isso não aconteceu no ano passado", destacou.

    Leia tudo sobre: meteorologiachuvafriomau tempoprimavera

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG