Caso ocorreu ontem no bairro de Ramos, na zona norte da capital. Criança de 15 dias não foi levada. Mãe sofreu cortes no pescoço

Suspeita tentou raptar filha de outra mulher em Ramos
Divulgação
Suspeita tentou raptar filha de outra mulher em Ramos

A Polícia Civil do Rio de Janeiro divulgou na noite desta quarta-feira (15) o retrato falado da mulher suspeita de agredir e esfaquear uma outra mulher no bairro de Ramos, na zona norte da capital na última terça-feira (14).

O objetivo da suspeita, segundo a polícia, era raptar a filha da vítima, um bebê de 15 dias.

A mãe da criança saia de um posto de saúde quando foi perseguida e agredida. Ela teve ferimentos no pescoço.

A acusada fugiu mas não conseguiu levar a menina.


* Com informações de O Dia



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.