Guerra do tráfico no Complexo da Maré deixa 4 mil sem escola e creche

Secretaria de Educação confirmou que instituições não funcionaram em razão de conflitos.

iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

A Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro informou que 4.184 alunos e crianças não puderam ir às escolas ou creches na região do Complexo da Maré, na zona norte, nesta sexta-feira (3) em razão de uma guerra entre traficantes.

Segundo a pasta, três escolas, uma creche e um Espaço de Desenvolvimento Infantil ficaram fechados nos dois turnos. No período da tarde, mais uma escola, duas creches e um EDI também não funcionaram.

De acordo com informações de policiais civis, a guerra na Maré ocorre entre traficantes da Nova Holanda, ligados ao Comando Vermelho (CV) e Baixa do Sapateiro, controlada pelo Terceiro Comando Puro (TCP).

Ontem, durante um confronto entre os bandidos, um adolescente de 17 anos morreu. Segundo a PM, ele participava do tiroteio. 



    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG