Paulistinha vendia por mês cerca de 200 kg de cocaína e faturava R$ 2 milhões

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu nesta terça-feira (24), em São Paulo, André Luiz Barreto de Freitas, o Paulistinha, suspeito de ser um dos principais fornecedores de drogas para traficantes do Rio de Janeiro.

De acordo com as investigações, Paulistinha tinha contatos com um dos cartéis mais importantes da Bolívia e trazia para o Rio cocaína com quase 100% de pureza.

Segundo a polícia, o suspeito chegava a vender cerca de 200 kg de cocaína por mês e tinha um faturamento mensal de R$ 2 milhões. 

Contra ele havia um mandado de prisão preventiva por tráfico interestadual de drogas e associação para o tráfico.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.