Receita apreende 46 mil comprimidos de ecstasy em aeroporto do Rio de Janeiro

Drogas estavam com passageira que veio de Lisboa. Carregamento está avaliado em R$ 2,3 milhões

iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

A Receita Federal e a PF (Polícia Federal) apreenderam na tarde desta segunda-feira (2) no aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, na Ilha do Governador, na zona norte do Rio de Janeiro, 46 mil comprimidos de ecstasy. Segundo a PF, foi a maior apreensão da droga já feita no aeroporto.

As drogas estavam na bagagem de passageira de voo procedente de Lisboa e foram detectadas pelo aparelho de Raio-X durante trabalho de rotina.

Cada comprimido de ecstasy chega a custar R$ 50. O valor total da apreensão chega a R$ 2,3 milhões.

A mulher que trazia a droga foi presa. Dois comparsas que aguardavam a suspeita em uma lanchonete também foram presos.

A PF fez uma diligência na casa de un dos suspeitos e recolheu seis tabletes de maconha, 10 mil pontos de LSD, haxixe e duas pedras de MDMA.


    Leia tudo sobre: ecstasyaeroporto Tom Jobim

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG