Traficantes teriam recebido policiais a tiros na Vila Kennedy

Carro onde o corpo do traficante Matemático foi achado. Tiroteio deste domingo foi em área que era de seu domínio
Fernando Quevedo/Agência O Globo
Carro onde o corpo do traficante Matemático foi achado. Tiroteio deste domingo foi em área que era de seu domínio

Uma ação de policiais militares do 14º Batalhão (Bangu) terminou com tiroteio, dois mortos, feridos e dois presos, na Vila Kennedy, favela na zona oeste do Rio dominada por traficantes do Comando Vermelho.

Leia mais: Matemático é morto por atirador em helicóptero da Polícia Civil

A área era de domínio de Márcio José Sabino Pereira, o Matemático, morto em maio por atiradores da Polícia Civil em helicóptero, quando era considerado o criminoso mais procurado do Estado do Rio. 

De acordo com a PM, equipes do 14º BPM foram a uma área da comunidade por conta de reclamação de música tocada em som muito alto. Quando chegaram, teriam sido recebidos a tiros por criminosos locais, conhecidos pela violência. Conforme a PM, houve intenso tiroteio. 

Dois morreram, mas nenhum policial ficou ferido. Um homem de 25 anos foi preso e um rapaz menor de idade foi detido. 

A PM arrecadou dois fuzis calibre 7.62mm (um FAL e um AK-47), duas pistolas (uma calibre .40 e  outra 9mm), um carregador de fuzil e drogas.

    Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.