Chefão do tráfico é achado morto no Rio de Janeiro

Corpo do traficante Dinho, que comandava o morro da Serrinha, em Madureira, foi encontrado com vários tiros dentro de um carro

iG Rio de Janeiro |

Divulgação
Polícia recebeu denúncia de que chefe do tráfico na Serrinha foi assassinado e corpo foi achado
Um dos traficantes mais procurados do Rio de Janeiro, Jorge Porfírio de Sousa, o Dinho, que comandava o morro da Serrinha, em Madureira, na zona norte do Rio de Janeiro, foi achado morto na tarde deste sábado (9).

De acordo com a Polícia Militar, o corpo, com várias marcas de tiros, foi localizado dentro de um Peugeot, na rua Césario Machado, em Piedade, na zona norte da capital.

A PM tem informações de que Dinho foi morto por próprios comparsas do morro. Segundo denúncias, os aliados teriam se revoltado pelo traficante ter matado dois jovens durante a semana na favela por brigas relacionadas à mulheres.

A polícia também recebeu denúncias de que oi rmão de Dinho, conhecido como Skol, também poderia ter morrido, mas não conseguiu confirmar a informação.

A morte de Dinho será investigada pela Divisão de Homicídios da Polícia Civil.

O morro da Serrinha é um dos principais redutos da facção criminosa Terceiro Comando Puro (TCP). Há cerca de três meses, a PM apreendeu dez fuzis na comunidade em um só dia.

    Leia tudo sobre: mortechefão do tráficomorro da Serrinha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG