Justiça manda suspender habilitação de Thor Batista

Filho de Eike Batista foi denunciado por atropelamento que matou ciclista e Justiça aceitou a denúncia

iG Rio de Janeiro |

A juíza da 2ª Vara Criminal de Duque de Caxias, Daniela Barbosa Assumpção de Souza, determinou nesta quinta-feira (17) a suspensão da carteira de habilitação de Thor Batista, filho do empresário Eike Batista. Thor foi denunciado ontem pelo crime de homicídio culposo em razão da morte de um ciclista que foi atropelado por ele, em março, na rodovia BR-040, na altura de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A denúncia foi aceita hoje pela Justiça.

Leia também : Thor Batista é denunciado por atropelamento que causou morte

A juíza considerou que Thor, em pouco mais de dois anos, teve anotadas, em seu prontuário, 11 infrações de trânsito, sendo nove por exceder a velocidade máxima permitida para a via em que transitava. Além disso, o acusado, após o fato denunciado, praticou nova infração de trânsito, o que acarretou a apreensão de seu automóvel.

A magistrada determinou que seja oficiado ao Detran e ao Contran para que realizem as devidas anotações e procedam à suspensão da carteira de habilitação de Thor. Segundo a decisão, a suspensão deverá vigorar pelo prazo de um ano, “tendo em vista a quantidade e a gravidade das infrações praticadas”.

Leia também : Thor acumulou 51 pontos na carteira nos últimos 18 meses

Thor tem prazo de cinco dias para entregar a carteira de habilitação no cartório da 2ª Vara Criminal de Duque de Caxias, sob pena de responsabilização. No final do processo, se condenado, Thor poderá cumprir pena de detenção de dois a quatro anos, em regime semiaberto ou aberto.

    Leia tudo sobre: thor batistaatropelamento

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG