Mãe e filha são presas suspeitas de vender falsas ceias de Natal

Dupla anunciava as ceias na internet a preços que variavam entre R$ 300 e R$ 450 mas clientes não recebiam

iG Rio de Janeiro |

Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) prenderam na manhã desta quinta-feira (29), no Rio de Janeiro, duas mulheres (mãe e filha) suspeitas de vender falsas ceias de Natal. A dupla, identificada como Andrea Márcia Navarro de Lima, 45 anos, e sua mãe, Sueli Martins dos Santos, fazia as encomendas por três sites na internet.

Segundo a polícia, Andrea e Sueli podem ter lesado dezenas de pessoas que fizeram as encomendas mas não receberam as ceias.

De acordo com a delegada Márcia Cristina Lopes, titular da especializada, desde a última segunda-feira (25) tem recebido denúncias de vítimas que adquiriram as ceias de Natal, por preços que variavam de R$ 300 a R$ 450, em dois sites de compra coletiva e o ceiadenataldelivery.com.br, domínio criado por Andrea em novembro.

Segundo a delegada, Andrea usava a conta de sua mãe para receber os depósitos dos clientes. Elas foram localizadas pelos agentes no bairro de Campinho, nas proximidades da residência.

“É importante o consumidor conferir o tempo de publicação do site junto ao registro BR para verificar a autenticidade do anúncio”, informou a titular da DRCI, que já computou 70 depósitos bancários feitos na conta de Sueli, que foi autuada por estelionato.

Os agentes agora trabalham para retirar os anúncios do ar e bloquear a conta bancária de Sueli. Andrea foi autuada por estelionato e crime contra o consumidor e contra ela foi cumprido mandado de prisão pendente, expedido pela Justiça, por estelionato.

    Leia tudo sobre: falsas ceias de natalgolpeestelionato

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG