Rio teve 259 mil casos e 240 mortes por dengue em 2008

O Estado do Rio de Janeiro notificou 259.392 casos de dengue em 2008, com 240 mortes confirmadas e 50 sob investigação.

Agência Estado |

As informações são da Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil do Estado (SESDEC/RJ). Entre os óbitos confirmados, cem foram por dengue hemorrágica. Os municípios com maior número de casos foram Angra dos Reis (10.971), Campos (17.788), Nova Iguaçu (18.376), Duque de Caxias (16.513), São João de Meriti (7.357), Niterói (7.652), Magé (3.546), Belford Roxo (7.574) e Rio de Janeiro (130.888).

Entre as mortes confirmadas, 159 ocorreram na capital fluminense, 26 em Duque de Caxias, seis em Campos, sete em São João de Meriti, três em Paracambi e seis em Nova Iguaçu. Também morreram seis pessoas vítimas da doença em São Gonçalo, dez em Angra dos Reis, três em Belford Roxo, duas em Itaguaí, duas em Magé. O município de Cambuci registrou uma morte, assim como as cidades de Rio Claro, Seropédica, Mesquita, Queimados, Barra do Piraí, Miguel Pereira, Italva, Mangaratiba e Itaboraí. Segundo a nota, a faixa etária com maior número de notificações (54%) é a de 15 a 49 anos.

Em 2009, o Estado do Rio de Janeiro notificou 117 casos de dengue, com dois óbitos (Itaboraí e Duque de Caxias) sob investigação. Os municípios com maior número de casos até agora são a capital fluminense (57), Angra dos Reis (24), Araruama (8), Barra do Piraí (5) e Tanguá (5). Na faixa etária com maior número de notificações (15 a 49 anos) a incidência da infecção passou a ser de 71%.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG