Rio ganha edição própria em guia turístico internacional

O Rio de Janeiro ganhou ontem uma edição do Guia Verde Michelin, considerado um dos mais importantes guias turísticos do mundo. É a primeira vez que um volume é dedicado exclusivamente a um Estado da América do Sul.

Agência Estado |

Para o governador Sérgio Cabral (PMDB), que participou do lançamento na Embaixada do Brasil, em Paris, o guia é "um enorme reforço" para a campanha do Rio à sede das Olimpíadas de 2016. "Estamos na reta final da disputa com Chicago, Madri e Tóquio, e o lançamento do Guia Michelin agora, a poucos dias da decisão de 2 de outubro, dá um enorme reforço de credibilidade para a nossa campanha. Não há no mundo publicação deste gênero com mais prestígio", afirmou Cabral.

Em 288 páginas, foram listados 110 lugares e atrações, que receberam de uma a três estrelas. A cotação indica se o passeio é "interessante" a "altamente recomendado". O guia é dividido em bairros da cidade do Rio. Mas há também sugestões de excursões para Niterói, Búzios, Paraty, Ilha Grande, Petrópolis e Vale do Café. A primeira versão para do Guia Verde Michelin Rio de Janeiro é em inglês e será vendido em cerca de cem países. Em 2010, será publicado o livro em francês. O material será atualizado de dois em dois anos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG