O Rio de Janeiro registrou recorde de calor nesta quinta-feira. Por volta das 16h, o termômetro do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), localizado na Praça Mauá, no Centro da cidade, registrou 40,9ºC.

Essa é a maior temperatura registrada no Rio desde, pelo menos, 2004. Foi o recorde deste ano e do verão. Há muito tempo não tínhamos uma temperatura tão alta na cidade. O recorde anterior havia sido de 40,4ºC no dia 10 de janeiro, informa o meteorologista Marcelo Pinheiro, do Instituto Climatempo.

Futura Press

Com o recorde de calor no Rio, a praia de Ipanema ficou lotada nesta quinta-feira

De acordo com Pinheiro, o forte calor na capital fluminense é provocado por uma massa de ar tropical que está sobre a Região Sudeste e boa parte do Brasil. Por ser de alta pressão, a massa de ar bloqueia a entrada de frentes frias e de ar polar e impede a formação de nuvens.

O calor deve continuar intenso e o sol forte no fim de semana. No entanto, podem ocorrer pancadas de chuva no final do dia, diz o meteorologista.

A previsão é que o calor só diminua no decorrer da próxima semana. Na segunda-feira, há a previsão de chegada de uma forte frente fria no Rio Grande do Sul.

Leia também:

Leia mais sobre: verão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.