Rio de Janeiro registra aumento de 110% nos casos de latrocínio

RIO DE JANEIRO ¿ Relatório divulgado nesta segunda-feira pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) do Rio de Janeiro, com dados referentes ao mês de julho deste ano, apresentou um aumento de 110% no índice de latrocínios (roubo seguido de morte). Todos os dados foram obtidos após uma comparação com os números de julho de 2007.

Redação |

Acordo Ortográfico

O Núcleo de Pesquisa em Justiça Criminal e Segurança Pública (Nupesp) leva em conta 39 itens em sua avaliação, sendo que seis são atividades policiais. De acordo com o material, houve queda em 17 tipos de ocorrências, 15 apresentaram elevação e uma manteve seu índice.

Além da Nupesp, a Secretaria de Estado de Segurança também faz um levantamento dos principais tipos de ocorrências. Os números do órgão apresentaram queda em três delas: homicídio doloso (44 vítimas), roubos a veículos (79 ocorrências) e roubos a coletivo (51 casos).

Por outro lado, houve aumento nos furtos a veículos (26 casos), roubos a pedestres (1.384 vítimas) e roubos de celulares (132 casos). Mas o número mais alarmante indica uma elevação de 110% (11 vítimas) nos casos de latrocínio.

Leia mais sobre: latrocínio

    Leia tudo sobre: latrocínio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG