maratona cultural de 50 horas - Brasil - iG" /

Rio começa maratona cultural de 50 horas

Começou hoje com samba, hip hop, reggae e funk a segunda edição do Viradão Carioca, maratona cultural que até domingo à noite levará 524 atrações gratuitas a palcos de toda a cidade, da praia do Leme a Rio das Pedras, favela da zona oeste. Inspirada na Virada Cultural de São Paulo, o evento tem em seu elenco nomes consagrados e iniciantes.

Agência Estado |

São mais de 50 horas de duração.

No ano passado, na estreia do Viradão, a Praça 15, no Centro, foi um dos pontos de maior concentração de público. Hoje, quem abriu os trabalhos por lá foi a sambista Dona Ivone Lara; em seguida devem entrar Preta Gil, Marcelo D2, Cidade Negra e DJ Marlboro; na Penha, foi levado um palco itinerante, onde tocará o Época de Ouro.

Os artistas aproveitam o Viradão para mostrar novas músicas a um público diversificado. Mas também procuram cantar seus sucessos, conhecidos por fãs ou não. Boa parte já se apresentava na Virada de São Paulo, como a carioca Sandra de Sá e a paulistana Mariana Aydar. As duas cantam amanhã no Centro: Sandra, na Praça 15, e Mariana, na Cinelândia.

Realizado pela prefeitura, o Viradão tem ainda apresentações de peças teatrais e espetáculos de dança e de circo. Dez dos palcos foram montados em comunidades carentes, entre elas, Maré, Tavares Bastos, Providência e Mangueira.

O evento também ocupa praças (com exibições de filmes em telões), igrejas (concertos de câmara), teatros (peças adultas e infantis e musicais) e bibliotecas (leituras e debates).

A música é mesmo o forte - são 141 atrações, entre cantores, grupos e instrumentistas. Os maiores nomes são Milton Nascimento (que fará show no domingo, na Praça 15), Lulu Santos (domingo, em Rio das Pedras) e Pitty (amanhã, na Praça 15).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG