Tamanho do texto

A três dias do Réveillon, 95% dos 28 mil quartos de pousadas e hotéis da cidade estão reservados para o período entre 31 de dezembro e 3 de janeiro, de acordo com levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio (ABIH-RJ). A taxa - que deve aumentar até a virada do ano - é superior ao que foi registrado em 31 de dezembro de 2008, quando a lotação estava em 94,2%.

A entidade calcula que 40% das reservas tenham sido feitas por estrangeiros, o que representa o dobro de turistas internacionais em relação ao Réveillon do ano passado.

A Riotur, empresa municipal de Turismo, prevê que 621 mil estrangeiros viagem para a cidade para a festa de fim de ano - no Réveillon passado, o número de visitantes internacionais foi de 612 mil.

Organização

A prefeitura promete fazer deste o Réveillon do "choque de ordem". A Guarda Municipal e equipes de fiscalização montarão 34 barreiras para evitar que ambulantes cheguem à orla de Copacabana. Mil e duzentos guardas serão mobilizados. A intenção é impedir que churrasqueiras, botijões e copos e garrafas de vidro cheguem ao trecho da orla entre o Leme e o Posto 6. Somente 200 ambulantes foram cadastrados e poderão trabalhar na Avenida Atlântica.

As interdições na via começarão às 7 horas do dia 31 e terminam às 20 horas do dia seguinte - nem mesmo moradores poderão trafegar depois das 18 horas. A prefeitura recomenda que quem quiser passar o Réveillon na praia dê preferência ao transporte público (ônibus, táxi e metrô). Vinte e cinco reboques vão reprimir o estacionamento irregular. Os veículos serão levados para o 23º Batalhão (Leblon) e só serão liberados no dia seguinte.

Comemoração

Esse ano, a festa de fogos será comandada pelo americano Scott Givens. O sistema de som terá 39 torres de alta qualidade para que o público acompanhe a trilha sonora simultânea aos fogos de artifício. A população também foi convidada a levar isqueiros, celulares e lanternas para iluminar também as areias de Copacabana. Nos palcos, atrações como Paralamas do Sucesso, Lulu Santos, Bangalafumenga, Maria Gadú, Ed Motta, Roberta Sá, entre outros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.