Réu por morte de meninos pega 37 anos de prisão no RS

Preso desde janeiro de 2004, Adriano da Silva é acusado pelo assassinato de oito crianças em Passo Fundo

AE |

selo

O biscateiro paranaense Adriano da Silva, de 31 anos, foi condenado nesta quarta-feira pelo Tribunal do Júri de Passo Fundo (RS) a 37 anos de prisão pela morte de um menino de 10 anos.

Preso desde janeiro de 2004, ele é acusado pelo assassinato de oito crianças, todas do sexo masculino, em diversos municípios do noroeste do Rio Grande do Sul entre setembro e dezembro de 2003. 

Todos os crimes foram parecidos. As vítimas eram atraídas, agredidas e mortas. Algumas também sofriam violência sexual. O réu ainda tem mais um julgamento pela frente, sem data marcada. Somadas, suas condenações passam de 200 anos.

    Leia tudo sobre: paranájuri

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG